Graça Santos provocará o belo ou a bela adormecida em cada um presente  por meio de poesias ou trechos de livros de autores que transgridem a comunicação conduzindo a compreensão da consolidação máxima da possibilidade de um novo tempo na EducAÇÃO.
As diversas transgressões serão apresentadas ao sopro da delicadeza, da ternura, da beleza e força das palavras e dos sentidos.
Concluirá  ilustrando a importância da ação na busca da harmonia nas relações, bem como a transposição dos limites dos paradigmas em busca da transdisciplinaridade  para o nascimento de um novo EU, por meio do contato.

Para saber mais…Clique AQUI!